Notícias

A importância da Microfisioterapia para a melhor performance no esporte

- Com informações Biointegral Saúde




Um dos principais trabalhos que todo esportista de alta performance precisa fazer é o mental – aprender a gerenciar as emoções nos dá mais resiliência, nos garante empenho máximo e nos centra em nossos objetivos. Quando um atleta não vai bem em ação, dizemos que está desconcentrado. Sim, um atleta que está passando por dificuldades e que não sabe gerenciar suas emoções dificilmente manterá a constância de vitórias.

Não é à toa que costumamos dizer que para atingir um objetivo é ter foco, força e fé, os três totalmente ligados à ação mental e às emoções. Para termos foco, precisamos estar equilibrados, entendermos nosso próprio funcionamento mental, conectar-nos com aos nossos desejos e alinhar performance com resultado, para ter força, temos que investir nossos recursos mentais e emocionais em prol doo objetivo, garantir que estejamos usando nosso potencial máximo e permanecer conectados com nossa determinação, e a fé nada ais é do acreditar totalmente em nossas potencialidades, agir apaixonadamente, e esperar que os resultados aconteçam conforme nossas ações.

A mente comanda muito mais do que o simples funcionamento do corpo. Ela garante que estejamos condicionados ao nosso melhor, que usemos nossas emoções e nossa vibrações mais elevadas em busca daquilo que mais almejamos. Uma mente em desequilíbrio provoca um mau funcionamento do corpo, fraqueza muscular e enrijecimento das articulações. Todo atleta que deseja alcançar seu potencial máximo precisa estar em dia com sua mente e sua emoção.

A cura das dores e a alta performance

Assim como nossa mente pode comandar nosso desempenho, ela também pode provocar dores e doenças difíceis de serem curadas. Muitas dores crônicas, problemas articulares, e outros exemplos podem ser causados por traumas acontecidos em determinada etapa da vida e que estão lá, gravados em nosso corpo, de uma forma difícil de ser detectada por exames médicos convencionais. Aí entra a Microfisioterapia, que consegue, com seu método inovador e indolor, de forma suave e complexa, encontrar as causas e ajudar o corpo mesmo a curá-las.

Da mesma forma, a Microfisioterapia e outras técnicas usadas para eliminar traumas e crenças limitantes podem ajudar muito a manter o corpo saudável, a dissolver problemas físicos com causas emocionais e a mudar a mente para que tenha mais foco e disciplina. Por isso dizemos que a Microfisioterapia é essencial, especialmente para quem está no mercado do esporte de alta performance – manter a mente e as emoções em dia pode ser a diferença entre o segundo e o primeiro lugar em uma prova, ou em fazer ou não o gol da sua vida.